Blog                                                                                                                                                                                                           Facebook        Twitter         Youtube                                                                                                             
Sandra Fayad Bsb
Proseando em Versos
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

Episódio 28 - Minha vida em Brasília: Dar aulas, cuidar da casa e da filha eram tarefas consolidadas. Eu fazia tudo com desenvoltura e ainda sobrava tempo para atender aos meus alunos em casa, que iam ter aulas gratuitas de reforço ou simplesmente brincar com minha filha. Essas eram as únicas visitas que recebíamos. Eu sentia falta de amigas. Um dia convidei uma colega para ir tomar café. Meu marido reagiu mal. Quando comecei a ir para a Faculdade, ele passou a ter reações ríspidas porque não concordava que eu saísse à noite. Nessa época não eram oferecidos cursos diurnos, exceto na UNB. Comecei a faltar às aulas e acabei desistindo do Curso. A situação entre nós foi ficando cada vez mais complicada, com diversas ocorrências desagradáveis e até arriscadas. Descobri que ele ingeria psicotrópicos misturados com álcool, causando-lhe reações imprevisíveis. Nessa época, o único meio que se podia recorrer para evitar um desfecho trágico era a Delegacia de Polícia mais próxima.Registrava-se a ocorrência. Dias depois o casal era convocado para esclarecer o incidente. Percebendo que ele estava abatido, o delegado me mandou esperar lá fora para conversarem a sós. Na saída ele me pediu perdão e eu retirei a denúncia. Mas a paz durou pouco. Com a agravamento do situação, mudei-me com minha filha para a casa dos meus pais, e contratei um advogado.
Sandra Fayad Bsb
Enviado por Sandra Fayad Bsb em 21/05/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras